Dendê no sangue

Nathan Hereda comemora evolução e os bons resultados na temporada de 2018


Aos 10 anos, o carioca Nathan Hereda comemora uma rápida evolução e bons resultados na temporada de 2018.

Além de faturar o título estadual do Rio de Janeiro em sua categoria, ele teve a oportunidade de conhecer as ondas da Nicarágua e El Salvador.

Filho do ex-surfista profissional baiano Angelo Hereda, Nathan venceu três etapas do circuito fluminense neste ano: Maricá, Grumari e Itacoatiara.

Além disso, ele arrancou bons resultados em outros circuitos de base pelo litoral brasileiro. Em Santa Catarina, foi terceiro lugar na etapa do Morro das Pedras do Circuito Adriano de Souza.

Já no tradicional Hang Loose Surf Attack, em São Paulo, o jovem talento ficou em terceiro na etapa do Guarujá.

Nathan e sua família possuem um hostel na região oeste do Rio de Janeiro. O grommet pode ser visto treinado com frequência nas ondas da Macumba e Recreio dos Bandeirantes.

O surfista tem patrocínio da Cyclone a apoio do Colégio St. Georges, shaper Udo Bastos e laminação First Glass.

*Fonte Waves

PUBLICIDADE

Relacionadas

Fotógrafo Peu Fernandes registra o sábado de disputas do Rio Pro em Saquarema (RJ)

Fotógrafo Peu Fernandes registra o Round dos 32 melhores na etapa do Mundial em Saquarema (RJ)

Fotógrafo Peu Fernandes registra mais um dia de competição e free surf na etapa do Mundial da WSL, em Saquarema (RJ)

Fotógrafo Peu Fernandes registra free surf dos tops em Saquarema (RJ)

Primeira etapa do Circuito Ilheense de Surf acontece nos dias 6 e 7 de julho na praia da Renascer

Equipe baiana fica em terceiro por equipes e Rayan Fadul garante a quarta colocação na categoria Sub 14 no CBSurf Junior Tour em Itacaré (BA)

Kaiki Araújo vence categoria Sub 16 na segunda etapa do Circuito ADS em Balneário Camboriú (SC)

Bino Lopes disputa triagem valendo vaga no Rio Pro, etapa do Championship Tour em Saquarema (RJ)