Resultado frustrante

Apontado como forte candidato ao prêmio do WSL Big Wave Awards, Caio Vaz fica fora da final e mostra decepção


 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Galera infelizmente minha onda nao foi selecionada pela @wsl como finalista, como? eu desconheço.... Algum outro critério foi usado, porque o critério: XXL Biggest Wave / Maior Onda , esse certeza nao foi usado..... decepcionado, mas com a cabeça erguida em saber que fiz meu trabalho e feliz em ter visto o movimento que amigos, conhecidos e alguns dos meus Idolos fizeram nos últimos dias! Obrigado Galera! A minha onda e as 5 ondas finalistas “MAIORES que a minha” e ai o que voces acham?! • ?? Hi guys, unfortunately WSL didnt select my wave to be one of the top 5 finalists. How come? I do not know. For sure the criteria to select the “XXL Biggest wave” was not used this time. Im disappointed but i also know i risk myself and did my job and happy for all the movement you guys did for me in the last few days! Thank you all! In attach is my wave and also the 5 waves that supposedly “were bigger than mine” so you can compare. What do you think? #sintasemormaii #bigwaveawards #xxlbiggestwave

Uma publicação compartilhada por Caio Vaz (@caiogebaravaz) em


A expectativa era grande pelo anúncio dos finalistas do Big Wave Awards da World Surf League, mas o resultado foi frustrante para o brasileiro Caio Vaz.

No dia 16 de dezembro de 2019, o carioca surfou uma bomba gigantesca em Nazaré, Portugal, e era apontado como candidato até para estabelecer um novo recorde mundial de maior onda já surfada, além do prêmio de Maior Onda do ano da WSL.

A divulgação dos finalistas aconteceu na última segunda-feira e Caio Vaz ficou fora da lista, mostrando grande decepção em suas redes sociais:

“Infelizmente a minha onda não foi selecionada pela WSL como finalista. Como? Eu desconheço…”, postou Vaz. “Algum outro critério foi usado, porque o critério XXL Biggest Wave / Maior Onda, esse com certeza não foi usado”, continuou o big rider.

“Decepcionado, mas com a cabeça erguida em saber que fiz meu trabalho e feliz em ter visto o movimento que amigos, conhecidos e alguns dos meus ídolos fizeram nos últimos dias! Obrigado, galera!”, comentou o carioca.

Ainda em seu post, Caio Vaz publicou as ondas dos cinco finalistas e deixou uma pergunta para os internautas: “A minha onda e as cinco ondas finalistas “MAIORES que a minha”. E aí, o que vocês acham?!”, finalizou.

PUBLICIDADE

Relacionadas

Apontado como forte candidato ao prêmio do WSL Big Wave Awards, Caio Vaz fica fora da final e mostra decepção

Big rider baiano Marcio Freire encara swell de ciclone na Laje da Jagua (SC)

Márcio Viana descreve sessão histórica durante poderoso swell em Jaws

Baianos Marcio Viana e Rick Breyner encaram as ondas de Jaws, na ilha de Maui

Danilo Couto é um dos convidados para o tradicional The Eddie Aikau Big Wave Invitational

Yuri Soledade fala sobre o convite para participar do Eddie Aikau Big Wave Invitational em Waimea

Danilo Couto na principal e Yuri Soledade como alternate no Eddie Aikau Big Wave Invitational

Bino Lopes aproveita swell no North Shore havaiano para encarar Waimea Bay