Onda incrível

Yuri Soledade encara onda gigantesca e entra na briga pelo Prêmio XXL


No último dia 25 de fevereiro, o bicho pegou no arquipélago havaiano. Uma ondulação insana atingiu o Pacífico Norte e proporcionou momentos de pura adrenalina no Havaí.

Além de o lendário evento em memória a Eddie Aikau voltar a ser realizado depois de 7 anos de espera em Waimea Bay, na ilha de Oahu, o swell atraiu muitos big rides também ao famoso pico de Jaws, na ilha de Maui.

Enquanto Danilo Couto estreava com muita atitude no Eddie Aikau, o também baiano Yuri Soledade encarava ondas gigantescas em Jaws com o auxílio de um jet-ski, já que as condições estavam muito complicadas para o surfe na remada.

Durante a sessão, o atleta patrocinado pela Mahalo foi rebocado em uma direita sensacional que entrou na briga pelo título de maior onda da temporada do Prêmio XXL, promovido pela World Surf League (WSL).

Segundo Yuri, muitos havaianos que frequentam o pico têm apontado a onda como a maior já surfada em Jaws.

Nesta quinta-feira, o baiano foi destaque no programa global “Encontro”, apresentado por Fátima Bernardes.

Veja o vídeo da onda

PUBLICIDADE UV Super Banner

Relacionadas

Apontado como forte candidato ao prêmio do WSL Big Wave Awards, Caio Vaz fica fora da final e mostra decepção

Big rider baiano Marcio Freire encara swell de ciclone na Laje da Jagua (SC)

Márcio Viana descreve sessão histórica durante poderoso swell em Jaws

Baianos Marcio Viana e Rick Breyner encaram as ondas de Jaws, na ilha de Maui

Danilo Couto é um dos convidados para o tradicional The Eddie Aikau Big Wave Invitational

Yuri Soledade fala sobre o convite para participar do Eddie Aikau Big Wave Invitational em Waimea

Danilo Couto na principal e Yuri Soledade como alternate no Eddie Aikau Big Wave Invitational

Bino Lopes aproveita swell no North Shore havaiano para encarar Waimea Bay