Joia potiguar

Eduardo Fernandes e Douglas Silva exploram swell nas urcas do Rio Grande do Norte


No último fim de semana (2 e 3/3), o litoral norte do Rio Grande do Norte recebeu uma das maiores e melhores ondulações da última década, proveniente de um ciclone extratropical que se formou no meio do Oceano Atlântico e tinha 4 mil quilômetros de extensão.

Os atletas do Seaway Team, Eduardo Fernandes e Douglas Silva, foram conferir de perto esse swell nas urcas, bancadas oceânicas que ficam a 30km da costa de Galinhos (RN). Essa expedição foi histórica, pois o swell teve uma magnitude que há muito tempo não atingia o litoral Nordeste brasileiro. Talvez essas ondas tenham sido as melhores já registradas em território nacional.

O atleta Douglas Silva, de apenas 20 anos, foi apontado por todos que estavam presentes na session como o grande destaque dos que estavam surfando na remada, já que as maiores ondas foram surfadas de tow-in. Enquanto os surfistas estavam com pranchas para ondas grandes havaianas, maiores de 9 pés, Dodô, com uma prancha de apenas 7 pés, foi um dos que pegou mais ondas na remada.

O legend Seaway, Eduardo Fernandes, decidiu surfar as ondas da Urca sendo puxado por um jet-ski, e em uma delas, Eduardo conseguiu pegar um tubo, que foi considerado por muitos como o melhor tubo surfado neste dia.

PUBLICIDADE http://bit.ly/1ZEkdaJ

Relacionadas

Bino Lopes e Dennis Tihara afiam as manobras em treino no litoral norte

Fotógrafo Tarcísio China registra sessão de freesurf no Backdoor em Olivença

Fotógrafo Fabriciano Junior registra sessões em Stella Maris e Jaguaribe

Ondulação de sul com influência de sudeste chega ao litoral baiano

Ondulação de sul com influência de sudeste é aguardada no litoral baiano

Fotógrafo Peu Fernandes clica sessão aquática na praia do Surf, em Vilas do Atlântico

Galera decola em quinta-feira de boas ondas em Stella Maris

Fotógrafo Adaílton Rocha registra sessão com Fabrício Bulhões na praia do Surf